Páginas

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Mulher de peixes

Seu lar é sua máxima satisfação; devota de seu marido, tratará de lhe dar todas as suas complacências. Susceptível como o Mar aos movimentos da Lua, pode cair em estados de forte depressão. Em seu lar, assim como em sua própria personalidade, mostrará "um dos dois peixes": ou o ordenado, sério, delicado e limpo, ou o outro, que é totalmente o inverso. Sendo um pouco débil, é necessitada de compreensão; e pode se sublimar com as manifestações da Arte.
Muito idealista no amor, pode de pronto passar grande parte de sua vida buscando a sua companheira, a de seus sonhos, resultando assim um tanto "donjuanesco".
Fortemente sensual, pode se voltar para um exclusivismo egoísta; porém, em momentos difíceis, impera sua generosidade, com a qual envolve por completo a seu companheiro. Pode ser duro, mas não injusto; precisa ser aceito para não se sentir abandonado. Como não consegue aguentar a rudeza e o esquecimento, pode se casar mais de uma vez. Tem uma alma de músico, escritor, poeta e de todas facetas estéticas.